O Rio Onda maca a fronteira entre o Concelho de Matosinhos e o Concelho de Vila do Conde, entre a União das Freguesias de Perafita, Lavra e Santa Cruz do Bispo e a freguesia de Labruge. O Rio Onda nasce na “Poça do Inferno”, freguesia de Guilhabreu onde é conhecido por Rio de Moures. Esta linha de água pertence à região hidrográfica do Cávado, Ave e Leça, com um comprimento total de 10,2 km e 48,5 km2 de área de bacia hidrográfica.

O Rio Onda desagua entre as praias de Angeiras e Labruge e possui na sua foz uma travessia pedonal que liga as duas freguesias. O Rio Onda é, à semelhança da maioria das linhas de água, e ao longo do seu percurso, privilegiado pelo património local onde poderão ser encontrados alguns moinhos de água que, antigamente, eram predominantes nesta região.